Montagem do Fundo Infinito e historinha

No Gravatar

Olá queridos e estimados amigos! 🙂

Resolvi compartilhar com vocês durante esses dias a montagem do Nosso fundo infinito!

Após algum tempo lutando para arrumar uma sala para montarmos fisicamente nosso estúdio, até então estávamos usando a nossa casa como estúdio temporário, finalmente encontramos uma sala no Centro do Rio, do lado da cinelândia! Depois de termos vistos mais de 50 salas (sem exagero) aqui no Centro, Tijuca e regiões próximas ao metro (nosso principal pré-requisito era q fosse próxima ao metro pois é uma facilidade para os nossos amigos e cliente principalmente) foi amor a primeira vista a sala nos atende perfeitamente e o ponto é muito bom e extremamente bem localizado! Ficamos entre as estações da Carioca (Final da nossa rua) e Cinelândia (quarteirão de frente ao nosso prédio, só atravessar a nossa rua e passar por uma rua q praticamente não tem movimento e é pequenina chamada Álvaro Alvim, estamos na Senador Dantas)

Quando alugamos a sala ganhamos de brinde um pequeno problema, “E agora? alugamos a sala, mas não podemos destruí-la! não poderemos fazer o fundo infinito de cimento e tijolos como pretendíamos” foi então que começamos a pesquisar formas de fazer o fundo sem sermos expulsos da sala nem a proprietária querer nos matar, eis que encontramos o blog do Danilo Vieira com um post sobre a montagem do Fundo Infinito que ele fez, e ficamos felizes da vida em descobrir que ele usou madeira! Nossos problemas foram resolvidos como que instantaneamente! Agora só bastava arrumar o marceneiro!

A busca pelo marceneiro foi chaaata, entrei em contato com uns 10 marceneiros diferentes, dos 10, apenas 4 vieram e me enviaram orçamento, 2 deles encontrei na internet, 1 passei na frente da loja dele e 1 foi indicação, confesso que o da indicação não foi o mais barato, mas por 3 motivos eu escolhi ele, primeiro e mais importante foi que a pessoa que me indicou é meu grande amigo Paulo Schvinger, o segundo que o material todo o próprio marceneiro fornecia e se o mesmo cometesse algum erro seria de responsabilidade dele sem ônus nenhum ao estúdio e o terceiro foi a demonstração de profissionalismo do mesmo, conversei um bocado com ele sobre o que queria, mostrei o blog do Danilo e aparentemente ele entendeu o que eu preciso!

Enfim, começaremos a montagem do fundo infinito hoje e nos próximos dias postarei como está ficando! 🙂

Continue a ler